O fim das métricas baseadas em cliques

link building

O fim das métricas baseadas em cliques

750 350 avantare
  • 0

Os cliques são o meio mais usado para medir os resultados de campanhas online e podem estar com os dias contados. Ainda que essa afirmação seja apenas uma previsão, é de se esperar que o aumento do acesso a rede, aliado com o desenvolvimento de novas tecnologias, deixe as métricas baseadas em cliques desatualizadas e até ultrapassadas. Fique ligado nas novas métricas!

Atenção as estratégias

O problema enfrentado pelo atual sistema é a forma de obtenção dos dados, feita através de cookies e cliques, que não leva em consideração o uso de várias plataformas por um mesmo usuário. A questão é: o que na sua pesquisa pode aparecer como três usuários atingidos, foi na verdade, apenas um que transitou entre celular, desktop e tablet.

Ou então, pode-se realizar uma campanha online incrível para jogar o usuário direto para o site, mas não será possível enxergar situações como quando ele vir um banner em seu aparelho mobile e então digitar o endereço do site diretamente no browser e acabar comprando sem clicar em nenhum anúncio seu.

De acordo com Nadia Tan, head de marketing science do Facebook na região da Asia-Pacifico, cada pessoa naquela região possui uma média de 1,7 dispositivos com acesso a internet, e esperado que esse número dobre para 4,3 até 2020. Já no Brasil, de acordo com o IBGE, oito em cada dez brasileiros, entre 25 e 49 anos, já possuíam um celular para uso pessoal em 2013. Ou seja, o uso de múltiplas plataformas para o acesso da rede já é uma realidade, e o approach do marketing digital deve ser alterado em alguns poucos anos.

A quantidade de meios de comunicação pertencentes a um mesmo usuário pode dificultar o uso de determinadas métricas

Entretanto, substituir essa forma de lidar com as métricas, pode ser bem difícil para o mercado. Afinal, nos últimos 10 ou 15 anos foi feito desta maneira, e em tempos de internet, esse período é uma eternidade. Mas será necessário, uma vez que o comportamento do consumidor está mudando.

Lá no inicio, quando as pessoas utilizavam apenas um desktop como canal de acesso, a medição por cliques era muito eficiente. Porém, no atual cenário, com várias plataformas conectadas à internet, é preciso se basear em pessoas e seu comportamento online e não mais em cliques.

Inove o seu negócio

Embora ainda seja uma proposta nova, e por conta disso, ainda existirem poucas ferramentas disponíveis para se obter medições desta maneira, algumas possibilidades já estão disponíveis.

Um exemplo é o Conversion Lift, que o Facebook introduziu em seu sistema como opção para medir resultados de campanhas. Essa ferramenta faz testes aleatórios com grupos de usuários que recebem e não recebem uma campanha. O anunciante precisa dividir as informações de conversão com o facebook, e então determina um levantamento adicional que foi gerado pela campanha nas conversões com os grupos previamente divididos.

Esse é um exemplo de como usar as ferramentas certas e estar ligado nas novidades, pode dar insights melhores de atuar no mundo online, trazendo retornos e benefícios cada vez maiores.

A atenção a novas métricas que não deem foco apenas em cliques é de suma importância no novo ambiente digital

Fique ligado no blog para outras novidades!

 

Fonte: Saying Goodbye to Click-Based Measurement

Deixe uma resposta

O seu email não será publicado.