Como gerar leads das páginas mais acessadas do seu site

Quer receber conteúdo sobre Analytics e Otimização?

Receba todos os conteúdos do nosso blog diretamente em seu e-mail
blog-aorientacion-vocacional

Como gerar leads das páginas mais acessadas do seu site

  • 0

Um site pode ser composto por milhares de páginas individuais. Mas, independentemente de quantas sejam, você poderá ver que a grande maioria do seu tráfego entra em algumas páginas muito específicas como, por exemplo, sua página inicial, a página “Sobre”, “Fale conosco” e até uma ou duas das suas postagens mais populares do blog.

E devido ao fato de várias pessoas estarem acessando tantas outras páginas em seu site, é muito importante que você tenha um cuidado especial em otimizar essas páginas para conversões.

Então, como você descobre quais páginas do seu site obtêm o maior tráfego? E uma vez que você descobriu, quais são as melhores maneiras de otimizar essas páginas para leads – e quais ferramentas podem ajudar?

Quais páginas obtém mais tráfego?

Essa pergunta obviamente varia de um site para outro. Mas, normalmente, dentre as páginas mais visitadas em um site está a página inicial, página de contato, etc. Caso você queira descobrir com certeza, precisará recorrer ao seu software de marketing.

Você pode usar o Google Analytics para encontrar suas páginas mais populares, consultando seu relatório “Top Content”. Para obter este relatório, é necessário fazer login no Google Analytics e ir até Otimização de conteúdo > Desempenho de conteúdo > Top Content .

Assim, você conseguirá ver as páginas mais acessadas do seu site com base nas visitas e visualizações de página para página, bem como a quantidade média de tempo que os visitantes gastam em cada página e a sua taxa de rejeição (ou seja, com que frequência os visitantes deixaram seu site depois de visualizar determinada página).

Como gerar leads das páginas mais acessadas

Depois de identificar quais páginas do seu site obtêm mais tráfego, é hora de otimizar os leads. Existem maneiras de otimizá-los para obter ainda mais tráfego, como você pode conferir abaixo.

1. Certifique-se de que essas páginas passem no “teste intermitente”

Se você deseja que as pessoas que visitam o seu site gerem leads, o primeiro passo é mantê-las na página. E você terá apenas alguns segundos para chamar atenção, transmitir a sua mensagem e despertar o interesse.

O “teste de intermitência” refere-se a esses poucos segundos quando um visitante se depara em uma página, analisa e decide se eles irão permanecer ou sair. Há muitas maneiras de se certificar de que uma página da web passará no “teste intermitente”, mas confira dois dos fatores mais importantes.

Por um lado, você quer testar o tempo que a página leva para carregar e, se necessário, fazer ajustes. Um tempo de carregamento da página mais lento leva à má experiência do usuário e pode resultar no aumento taxa de rejeição.

Você também quer se certificar de que essas páginas específicas foram projetadas com a geração de leads em mente. O design e o layout corretos irão ajudá-lo a concentrar a atenção do visitante nas áreas da página que os converterão em leads. Você não pode deixar que seus visitantes se perguntem o que devem fazer em seguida – você precisa mostrar o próximo passo a seguir.

2. Use as ferramentas certas

O seu site pode parecer bom, mas está gerando os leads que você deseja? E se você está obtendo leads, o site facilita a identificação e a qualidade desses leads? Além disso, segmentá-os em listas apropriadas com o resto do seu conjunto de ferramentas de marketing, criando clientes?

É aí que o uso das ferramentas certas torna-se realmente importante. Se você quiser construir um site que capture leads de forma eficaz, você precisará descobrir quais ferramentas valem a pena investir.

Tudo começa, é claro, com o investimento em um Sistema de Gerenciamento de Conteúdo (CMS), que integrará o conteúdo do seu site com todos os seus canais de marketing. Isso tornará muito mais fácil para você não apenas rastrear quem está visitando seu site e o que eles estão fazendo uma vez que eles chegam lá, mas também quais partes do seu site estão convertendo os visitantes em leads.

3. Call to action

Os leads que você gera das páginas do seu site devem vir de algum lugar. Na maioria das vezes, eles irão vir dos Call to actions que você coloca.

O design de CTAs efetivos para cada página da web depende da ação que você deseja que o usuário faça quando chegar à uma página. Por exemplo, na sua página inicial, você pode querer colocar CTAs que alertem para se inscrever, fazer login ou aprender mais. Em uma página de blog, talvez você queira que as pessoas baixem um ebook ou se inscrevam no seu blog.

Acontece que o nosso caminho natural dos olhos começa no canto superior esquerdo de um site e se move a partir daí, de acordo com um estudo de eyetracking .

place-ctas-strategically

Fonte: ConversionXL

A partir desse canto superior esquerdo, estudos de eyetracking também mostram que, muitas vezes, as pessoas lêem o conteúdo do site em um padrão em forma de F. Eles irão ler da esquerda para a direita duas vezes seguidas, em duas listras horizontais, seguido por uma faixa vertical.

f-pattern-eye-tracking

Fonte: Kissmetrics

Para tirar proveito de onde seus leitores olham primeiro, você vai querer pensar cuidadosamente sobre quais informações importantes deve-se colocar nestes pontos-chave. No exemplo abaixo, o nome da empresa está no canto superior esquerdo, seguido da barra de navegação colocada no topo, horizontalmente.

A partir daí, a segunda linha do padrão F inclui uma chamada principal para ação (em # 4).

f-pattern-with-content

Fonte: Estúdio Envato

4. Certifique-se de que seus CTAs de destacam na página

Além de colocar seus CTAs em lugares onde as pessoas vão encontrá-los rapidamente, você também quer que eles se destaquem visualmente. Isso ajudará a desenhar o olho de seus visitantes em cima de seus padrões naturais – especialmente para as pessoas que estão explorando a sua página procurando uma ação a ser realizada.

Uma maneira de atrair o olho das pessoas é usar cores contrastantes no CTA do resto do seu site. Experimente uma ferramenta como o Canva para criar imagens de graça, de forma rápida e fácil.

5. Teste essas ideias para si mesmo

Se você é novo na otimização do seu site por leads, você pode começar com os testes A/B, que são os tipos mais fáceis (e mais comuns) dos testes de otimização da taxa de conversão. Um teste A/B simplesmente testa uma variável em um conteúdo de marketing contra outro, como um botão de chamada para ação com duas frases diferentes para ver qual é o melhor desempenho.

Leia também: Como gerar mais Leads online: Ebook Grátis